ACM Neto: "Não desejamos uma nação ainda mais dividida" - Falando com Autoridade
atualizado.gif

08 março 2021

ACM Neto: "Não desejamos uma nação ainda mais dividida"


O ex-prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto, também comentou a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, que anulou as condenações do ex-presidente Lula (PT) julgadas em Curitiba. "Bolsa despenca. Dólar em alta. Refletem o clima de medo e incerteza que afetam o Brasil. Não desejamos uma nação ainda mais dividida. Mais do que nunca reforço meu compromisso com o equilíbrio e a minha luta contra qualquer forma de extremismo", escreveu, no Twitter. Na avaliação de Fachin, as ações de Lula não poderiam ter corrido em Curitiba, porque os fatos apontados não têm relação direta com o esquema de desvios na Petrobras.  "Com as recentes decisões proferidas no âmbito do Supremo Tribunal Federal, não há como sustentar que apenas o caso do ora paciente deva ter a jurisdição prestada pela 13ª Vara Federal de Curitiba. No contexto da macrocorrupção política, tão importante quanto ser imparcial é ser apartidário", escreveu, na decisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário: